Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Iraque’

POST NO NOVO BLOG! VISITEM E COMENTEM http://novoresenharexperientia.wordpress.com/2014/05/13/a-doutrina-do-choque-documentario-2009/

Anúncios

Read Full Post »

“A primeira vítima da guerra é a verdade”

The war you don`t see, documentário do jornalista John Pilger, mostra fatos que as grandes mídias como a BBC e o New York Times não podem mostrar sobre a guerra do Iraque. A mídia enfatiza fatos para criar uma imagem positiva do governo americano e do Pentágono, muitas vezes notícias para justificar a guerra ou “satanizar” o inimigo, e omite o que ela julga que o público não precisa saber. Ela não precisa mentir, só em casos extremos. Por isso que a manipulação pela ênfase e omissão é um jogo mais sutil e eficiente. No documentário, Pilger investiga o papel da mídia na guerra, começando com as propagandas utilizadas na II Guerra Mundial.

Já no começo do filme, ele desmascara jornalistas que não questionam seus governantes e autoridades, repetindo de modo acrítico o que os líderes falam, os mesmos jornalistas que não pesquisam por conta própria, não obtendo informação de primeira mão.

Várias perguntas são levantadas durante o filme, por exemplo: Qual a função social do jornalista? A imparcialidade é realmente possível? Se sim, é desejada?

Numa determinada cena do documentário, Pilger diz que os jornalistas tem o dever de dar a voz para aqueles que não possuem um representante de peso na grande mídia, como o caso da Palestina. Por exemplo, o ponto de vista de Israel tem muito mais destaque na nossa mídia. O povo tem esse mesmo acesso de informação quando se fala de minorias, como os palestinos ou o MST? Eles realmente tem espaço para falar, demonstrar seu lado da história? Essa exposição massiva de somente um lado se deve por um principal fator: a mídia serve aos interesses de determinada classe social, aquela das marcas caras que anunciam nos seus canais.

O documentário choca e mostra muitas desgraças que a intervenção dos Estados Unidos vem causando no Oriente Médio. Apesar do filme ser recheado de informações, só  colocarei uma estatística impressionante que Pilger nos traz: “Durante a Primeira Guerra Mundial 10% de todas as baixas eram civis. Durante a II Guerra Mundial, o número de mortes de civis aumentou para 50%. Durante a Guerra do Vietnam, 70% das baixas eram civis. Na guerra do Iraque, os civis representam 90% do total de mortes.”  A guerra que você vê é o que a grande mídia decide mostrar. A guerra que você não vê é o abundante sofrimento humano, a irracionalidade, o desespero e a morte de inocentes.

O que podemos fazer é buscar fontes alternativas de informação, como blogs e jornais independentes, geralmente menos falados do que a Folha de S. Paulo, o Jornal Nacional e o Fantástico.

Bom, o que posso contribuir para difundir diferentes informações e pontos de vista são com os seguintes links:

http://www.resistir.info/ Site português com vários artigos interessantes.

http://www.democracynow.org/ – Tem rádio, textos e programa de TV online em inglês.

http://diplomatique.uol.com.br/ – Nossa edição BR do bem conceituado jornal francês.

http://www.revistaforum.com.br/ Site da Revista Fórum.

http://carosamigos.terra.com.br/ Site da revista Caros Amigos

Está disponível no youtube o documentário quase inteiro, infelizmente sem final, com legenda em português :

Read Full Post »